sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Welcome Chinese

A China ocupa já o primeiro lugar no consumo turístico no exterior. Os 109 milhões de turistas que viajaram fora da China gastaram em 2014 um total de 140 biliões de US$Dolares. Quem o afirma é o Prof. Bin Dai, presidente da China Tourism Academy, o equivalente ao nosso Instituto de Turismo de Portugal. O aumento da qualidade de vida, a procura de novas culturas são algumas das razões do aumento de quase 20% ao ano de turistas que viajam para fora da China Continental, e representam um apetecido mercado por parte de todos os destinos mundiais, nomeadamente o europeu. Em Portugal, cada um dos cerca de 119000 turistas chineses que nos visitaram este ano, gastou em média 935 dólares por cada compra e cerca de 500 Euros por estada.
O Turismo Portugal abriu já uma representação em Xangai, com a missão de promover o destino Portugal junto de operadores turísticos chineses e de dar apoio a investidores portugueses que tencionam conquistar este importante mercado. A figura de Cristiano Ronaldo e de Pasteis de Belém são os nomes portugueses que os chineses mais conhecem e são figuras de outdoors na China. No que respeita à divulgação da cultura, ocupam especial relevo os Descobrimentos e as figuras de Vasco da Gama, Infante Dom Henrique, a posse de Macau pelos portugueses até 1999, e o primeiro emissário que o rei de Portugal (D. João III) enviou á China em 1502, durante a Dinastia Ming.
O presidente do Turismo Portugal , Dr. João Cotrim Figueiredo acredita que dentro de 2 a 3 anos a China ocupará um dos dez primeiros lugares na lista de emissores de turismo para o nosso país, o que representará cerca de 350.000 entradas de chineses. Há já 173 agências de viagens portuguesas especializadas no mercado chinês para dar assistência aos turistas chineses que visitam Portugal.
A CTA instituiu em 2013 em Pequim a Welcome Chinese que é uma Certificação oficial e exclusiva garantindo que os estabelecimentos que a ela se candidatam e ostentam estão de acordo com os padrões da Autoridade Chinesa de Turismo (China Tourism Academy). Isso passa por uma adaptabilidade à compreensão dos hábitos e cultura chineses, para que eles sintam que são compreendidos quando entram num hotel, num centro comercial, aeroportos, navios de cruzeiro, autocarros, aluguer de automóveis, museus e parques e, brevemente restaurantes e outros estabelecimentos.
Esta apresentação ocorreu na Câmara de Comercio e Indústria Luso-Chinesa em Lisboa na Sexta-Feira 27/11/2015, por iniciativa da CTA representada pelo seu presidente Mr. Dai Bin, e da Edeluc - Consultores e Investimentos, facilitadora de investimentos europeus na China e vice-versa, contando coma presença do presidente Turismo de Portugal, I.P., Weli Xu, conselheira da Embaixada da China, Mr, Jacopo Sartoli presidente da Select Holding, Eng. Rui Flores da Unicre, e Drª Catarina Torre do Freeport , cuja certificação Welcome China a decorrer será a primeira atribuída a um shopping da Península Ibérica.
Nota: O pequeno-almoço típico português não é com bacon ou salsichas, mas adaptámo-nos ao mercado inglês e americano. Porque não uma adaptação ao promissor mercado chinês?
LG